Meeting the Staff

Workplace Strategy Trends

Seu escritório como catalisador de cultura, performance e engajamento

Estamos em meio a um processo de mudança social jamais observado. São cada vez mais comuns os métodos de gerenciamento que reconhecem as necessidades holísticas das pessoas e buscam fomentar o melhor resultado e desenvolvimento dos indivíduos e de suas organizações.

Como atender aos talentos das novas gerações? Quais as ferramentas de suporte tecnológico, físico, cognitivo e emocional adequados às demandas particulares destes indivíduos? Se você espera resultados extraordinários, oferece ferramentas equivalentes ao potencial de sua empresa e equipe?

 
 
  • Rodrigo Calazans

Espaço centrado nas pessoas: Se seu colaborador é bem-sucedido, sua empresa também.

Atualizado: 10 de Mar de 2019

As pessoas são o ativo mais importante para todas as organizações. Então, por que não há mais escritórios projetados para apoiar suas necessidades e atividades? Processos de entendimento das demandas humanas e definição de escopo personalizados, trazem a humanidade de volta ao local de trabalho para ajudar seu pessoal e seu negócio a serem bem-sucedidos.


As pessoas e o trabalho que elas fazem, existem em espaços. Esses espaços moldam suas atividades e interações. A natureza dos espaços que fornecemos pode afetar não apenas os tipos de comportamento que encorajamos, mas até mesmo a capacidade de alguns de nossos colegas de trabalhar efetivamente no ambiente.


Os escritórios em que muitas pessoas trabalham atualmente foram projetados para suportar processos e tecnologia de outra época. Vemos o potencial para um novo tipo de escritório, um projetado com base na compreensão mais recente das pessoas, no trabalho que estão fazendo agora e nas ferramentas de que precisam para ter sucesso.


Este é um lugar onde as pessoas vão trabalhar não porque precisam, mas porque querem.


Por exemplo, se um funcionário toma injeções de insulina para gerenciar o diabetes, e o local de trabalho não fornece um local para que eles (além do banheiro) façam isso de maneira confortável e discreta, eles podem se sentir negligenciados no trabalho.


Designar uma sala pode facilitar a tarefa das mães que trabalham. A cozinha do escritório pode ser abastecida com frutas, chá ou outras opções que ajudam a promover o bem-estar. Os banheiros não relacionados a gênero são outra boa maneira de reconhecer e receber uma diversidade de identidades, além de oferecer ganhos de eficiência para os negócios e melhor utilização dos espaços.


Todos somos humanos e diferentes.


Através de pesquisa, a Herman Miller identificou seis necessidades fundamentais que todas as pessoas compartilham - segurança, autonomia, pertencimento, realização, status e propósito. Living Office é projetado para aproveitar nossas motivações inatas para satisfazer essas necessidades; é um lugar onde cada elemento parece certo propositalmente. Ao reconhecer que indivíduos e organizações têm seu próprio propósito, caráter e atividades, o Living Office transforma o local de trabalho em um instrumento poderoso que expressa a cultura única de uma organização e progride em suas ambições únicas.


Uma pesquisa da Deloitte descobriu que a maioria dos entrevistados usava algum tipo de “máscara” no trabalho, o que significa que eles deliberadamente ajustaram seu comportamento para compensar as expectativas relacionadas à sua identidade ou afiliação de grupo. Embora a maioria pensasse que isso era prejudicial para o senso de si mesmo, eles também pensavam que falhar em fazê-lo poderia afetar seu progresso profissional.


Incentivar as pessoas a expressarem opiniões não relacionadas ao trabalho no escritório reconhece que elas são mais do que apenas o que fazem profissionalmente. Tradicionalmente, essa expressão pode incluir a colocação de fotos da família em suas mesas, a exibição de algum símbolo ou de um hobby. Embora esses tipos de itens provavelmente não causem surpresa na maioria dos locais de trabalho, eles também estão apenas arranhando a superfície de nossas complexas identidades.


Se esperamos apoiar o bem-estar e o envolvimento total em nossos locais de trabalho, temos mais trabalho a fazer. Então incentive que sua equipe traga as fotos do bebê, mas não pare por aí.


Se a visão de uma empresa de um trabalhador é de que ele é apenas o trabalho dele, isso é tudo o que provavelmente receberá de volta. Por outro lado, as organizações que reconhecem seus colaboradores como seres complexos, permitem que eles entreguem mais.


Como funciona esse suporte na sua empresa? Existe a preocupação com as demandas humanas dos colaboradores?


Se seu planejamento prevê o atendimento das necessidades humanas como ferramenta de desenvolvimento, engajamento e performance, entre em contato.


Fontes:

https://workdesign.com/2018/05/embracing-your-whole-self-people-centric-workplace/

https://www.hermanmiller.com/solutions/living-office/people/



Projetado por Freepik

Laptop & Coffee

Vamos marcar um café?

Um café e boa conversa, sempre fazem bem.

São Paulo - SP