Meeting the Staff

Workplace Strategy Trends

Seu escritório como catalisador de cultura, performance e engajamento

Estamos em meio a um processo de mudança social jamais observado. São cada vez mais comuns os métodos de gerenciamento que reconhecem as necessidades holísticas das pessoas e buscam fomentar o melhor resultado e desenvolvimento dos indivíduos e de suas organizações.

Como atender aos talentos das novas gerações? Quais as ferramentas de suporte tecnológico, físico, cognitivo e emocional adequados às demandas particulares destes indivíduos? Se você espera resultados extraordinários, oferece ferramentas equivalentes ao potencial de sua empresa e equipe?

 
 
  • Rodrigo Calazans

O segredo por trás do trabalho flexível e as consequências no espaço.

Atualizado: 29 de Jul de 2019

Sua empresa adota práticas de trabalho flexível? Você já conhece esse termo e sabe como ele se expressa? Sabe se sua empresa já se vale de alguma dessas práticas?

Trabalho flexível é todo aquele que não é medido por horas fixas diárias no escritório.

Se em sua empresa você possui uma regra de “Home Office”, ou se você não precisa ir ao escritório para trabalhar, se você pode escolher entre várias unidades da empresa ou escritórios de Coworking para desempenhar suas funções, então sua empresa adota práticas de trabalho flexível.

Um ponto fundamental sobre os fatores que influenciam a decisão de adotar práticas de trabalho flexível é: Como sua empresa faz gestão de performance dos colaboradores.

Empresas que não possuem KPIs individuais e não possuem indicadores mensuráveis, não conseguem se desvencilhar da associação de trabalho às horas dedicadas a atividades sob supervisão.

O escritório reflete esse fator cultural de gestão de performance e pode adotar configurações que apoiem e reforcem essa característica, ou mesmo que a inibam.

Não se pode pensar em trabalho flexível se as estações de trabalho são todas dedicadas e quando um colaborador trabalha em qualquer lugar fora do escritório, sua estação vazia traz a sensação de “o Fulano não veio trabalhar hoje.”.

O site americano businesstimes.com publicou uma matéria muito interessante sobre como a cultura de trabalho flexível vem se ampliando e consolidando. O texto a seguir é uma tradução livre e sintética da matéria, cujo link está compartilhado ao final da página.

Boa leitura!

A forma como as empresas fazem negócios e gerenciam talentos está mudando

A tecnologia disruptiva, a cultura de start-ups e franquias, práticas de trabalho ágeis e o desejo de manter os custos baixos estão influenciando a maneira como as empresas operam. E à medida que mais pessoas trabalham em movimento, o local de trabalho está evoluindo rapidamente para acompanhar o ritmo - e atender às demandas dos funcionários em potencial.

De acordo com os dados do IWG Global Workspace Survey, 83% dos que estão à procura de emprego recusam ofertas em que não haja flexibilidade. A pesquisa entrevistou mais de 15.000 empresários em 80 países.

Este grupo de profissionais que trabalham, apelidado de "Geração Flex", está agora dando as cartas - observa o fundador e CEO da IWG, Mark Dixon:

"Não é surpresa que 85% das empresas em todo o mundo tenham atualmente uma política de espaço de trabalho flexível. Houve uma mudança de poder. Em muitos setores, os patrões não ditam mais o dia de trabalho regular."

Cultura Coworking

Um relatório da empresa americana JLL, afirma que quase um terço dos imóveis corporativos poderia ser um espaço de trabalho flexível até 2030. Isso explica o porquê gigantes como Wework e IWG continuam sua rápida expansão global. Isso traz grandes implicações não apenas para os custos, mas também para a capacidade de atrair e reter as próximas gerações de grandes talentos.

O chefe de pesquisa corporativa da JLL na EMEA (Europa, Oriente Médio e Ásia) Tom Carroll, acrescenta que o espaço de trabalho também é um fator imenso para atrair talentos. Afinal, para permanecer à frente de seus concorrentes, as empresas de sucesso permanecem atentas às necessidades de seus funcionários.

Carroll acrescenta: "O espaço de escritório flexível ajuda a atrair grupos de talentos específicos que tendem a favorecer um ambiente de escritório corporativo menos tradicional, ao mesmo tempo em que atendem aos requisitos de equipes específicas em áreas como inovação digital ou de produtos".

Garantir o desenvolvimento sustentável

Uma pesquisa da empresa de mídia Cone Communications, dos Estados Unidos, revelou que 75% dos millennials pagariam um corte salarial para trabalhar no que consideram uma empresa "responsável".

Uma forma de minimizar a pegada de carbono de uma empresa é por meio de ambientes de trabalho flexíveis que eliminam o conceito de um local central - permitindo o estabelecimento de escritórios menores e satélites mais próximos de onde os membros principais da equipe estão vivendo.

Os tempos e distâncias de deslocamento reduzidos também podem ter o benefício adicional de fortalecer o relacionamento entre empregado e empregador: os trabalhadores têm uma melhor chance de chegar ao trabalho a tempo e podem evitar a rotina de longo prazo dos deslocamentos estressantes. Efetivamente, o fator de sustentabilidade aqui é que uma situação de trabalho mais ágil ajudará a reduzir a rotatividade de funcionários e aumentará a probabilidade de os funcionários permanecerem com o mesmo empregador por mais tempo.

Situação ganha-ganha

Os benefícios de um espaço de trabalho flexível não se limitam apenas aos funcionários. O trabalho flexível é cada vez mais visto pelas empresas como um driver para o sucesso.

Muitos estão usando-o para reduzir gastos de capital e operacionais ou escolher locais de trabalho flexíveis para ajudá-los a eliminar ativos desnecessários, gerenciar riscos e consolidar seu portfólio.

Seu ambiente de trabalho suporta ou inibe a adoção de práticas de trabalho flexível? Como sua empresa está se preparando para atrair e reter os melhores talentos das novas gerações?

Entre em contato para saber como podemos ajudar.

Fonte:

https://www-businesstimes-com-sg.cdn.ampproject.org/c/s/www.businesstimes.com.sg/real-estate/the-rise-of-the-flexible-workspace?amp

Laptop & Coffee

Vamos marcar um café?

Um café e boa conversa, sempre fazem bem.

São Paulo - SP